domingo, 13 de setembro de 2015

Galo vence e agora vai enfrentar Estanciano

Jogando na noite deste domingo (13), no Estádio Nilton Santos, em Palmas, o River conseguiu o melhor resultado que sua torcida podia esperar. Venceu o time da casa por 2 a 0 e terminou sua participação na primeira fase da Série D como 1° colocado do Grupo A2. Agora o Tricolor vai jogar a segunda fase contra o Estanciano, dee Sergipe, com o segundo jogo no Estádio Albertão, em Teresina.

O bicampeão piauiense abriu a contagem no primeiro minuto da partida, através de Fabinho. Foi o suficiente para o time manter a tranquilidade e dominar os primeiros 45 minutos, ocasião em que poderia ter ampliado o marcador, mas não aproveitou as outras chances criadas. No intervalo, perdeu Esquerdinha, expulso por reclamações.

Na fase final, o Palmas assustou em vários lances, mas o River também teve chances de ampliar. O que terminou conseguindo nos acréscimos, com Rogério. Com a vitória por 2 a 0, o River terminou a primeira fase com 16 pontos, colocando-se como penúltimo melhor entre os primeiros colocados.

Com isso, seu confronto da segunda fase será contra o Estanciano, de Sergipe, o segundo melhor segundo colocado. Desta forma, o primeiro jogo da próxima fase será em Sergipe, com o segundo jogo no Estádio Albertão, em Teresina.
 
FICHA TÉCNICA
 
PALMAS 0x2 RIVER (Campeonato Brasileiro de Futebol - Série D - 1ª fase - 10ª rodada - Grupo A2); Data: 13/09/2015 (domingo à noite); Local: Estádio Nilton Santos, em Palmas (TO); Arbitragem: Fabricio Nery Trindade, auxiliado por Ygor Monteiro de Miranda e Tiago Gomes da Silva (todos de Goiás).
 
Renda: R$ 3.390,00 com 3.316 pagantes.
 
Gol: Fabinho 1 do 1° tempo; Rogériio 47 do 2°.
 
Cartões amarelos: Lourival, Helber, Pedro Pança, Ederson, Valdo, Wallace, Thuran, Teo (PAL), Esquerdinha, Naylson e Junior Xuxa (RIV).
 
Expulsão: Esquerdinha, no intervalo, por reclamar com o árbitro (segunda advertência).
 
Palmas - Carlão; Assis, Moacri, Helber e Leandrinho; Wallace, Pedro Panca (Teo), Valdo (Thurrán) e Ederson; Lourival e Danilson (Washington). Técnico: Wilsomar Senna.
 
River - Naylson; Tote, Índio, Jadson e Alex Santos; Rogério, Amarildo, Júnior Xuxa (Eduardo) e Esquerdinha; Fabinho (Thiago Dias) e Raphael Freitas (Carlinhos). Técnico: Flávio José Araújo.

3 comentários:

  1. Louve-se tal feito, ao birrento, teimoso e talvez pouco acreditado pelo torcedor riverino - Flávio Araújo - finalmente demonstrando todo o seu conhecimento e matreirisse em competições desse nível. De parabéns está o "Sapin" e, em especial toda a torcida tricolor e, lógico, como não poderia deixar de ser o Meu Grande Amigo e Mano: JD-BB!!!
    Desejo sucesso absoluto na fase que segue!

    ResponderExcluir
  2. O torcedor que de fato conhece de futebol e o acompanha,principalmente aqui nesta região Norte e Nordeste,nunca duvidou da capacidade deste grande Treinador chamado Flávio Araújo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Agora esse time não toma gol no final, agora esse time faz gol no final. Veja só como se precipita nesse estado na mesma toada do "apagão" da seleção!

    ResponderExcluir