quinta-feira, 7 de janeiro de 2021

Federação divulga tabela do Campeonato Piauiense









Reviravolta no caso Tiradentes: time jogará o Piauiense

Após a repercussão negativa em torno da possibilidade do Tiradentes desistir de participar do Campeonato Piauiense, fato que seria comunicado hoje à Federação de Futebol do Piauí, uma reviravolta deu novos rumos ao que já era praticamente uma grande certeza. Sem maiores informações sobre os últimos acontecimentos, a direção do clube voltou a acenar positivamente e a tabela do campeonato com a presença do Tiradentes já está em vias de ser publicada pela mentora.

O SITE DO BUIM tentou maiores detalhes com o presidente do Tiradentes, Oseas Canuto, mas ainda não obteve resposta sobre quais os fatos mais relevantes que determinaram a permanência do time no próximo Campeonato Piauiense. Como a primeira rodada da competição está confirmada para os dias 20 e 21 de fevereiro, nomes que formarão a comissão técnica e o plantel deverão ser anunciados em breve.



quarta-feira, 6 de janeiro de 2021

Tiradentes sinaliza com desistência do Piauiense 2021

Depois de ganhar o direito ao ser vice da Série B, Tiradentes desiste do Piauiense 2021.

Depois de provocar uma enorme expectativa no torcedor piauiense ao confirmar seu retorno ao futebol profissional no ano passado, e conquistar vaga para a Série A de 2021, a Sociedade Esportiva Tiradentes deve comunicar, na tarde desta quinta-feira (07), sua desistência da competição maior promovida pela Federação de Futebol do Piauí. O time da Polícia Militar não conseguiu fechar as parcerias necessárias para suprir as despesas que estavam no orçamento para o time profissional.

O presidente do clube, Coronel Oséas Canuto, já antecipou o problema para a Federação de Futebol do Piauí e amanhã, durante o expediente da mentora, dará entrada em documento solicitando a desistência. Não é a primeira vez que o Tiradentes desiste de jogar um certame para o qual já estava qualificado. Em 1991, desistiu de disputar a Copa do Brasil como campeão piauiense do ano anterior pelo mesmo motivo, abrindo mão do seu direito para o vice-campeão, o Caiçara, de Campo Maior.

Federação de Futebol do Piauí deverá oficializar a classificação da Associação Atlética Oeirense, terceira colocada da Série B do Piauiense do ano passado, como mais novo integrante da divisão principal do nosso futebol. Somente um prêmio de loteria pode reverter o momento pelo qual passa o time amarelo da Polícia Militar.



terça-feira, 15 de dezembro de 2020

Orlando Duarte: o adeus de um grande amigo


Enquanto a vacina não chega ao nosso país, milhares de brasileiros seguem perdendo a vida para o Covid-19. Com eles, partem inúmeros amigos. Hoje perdi um desses que a gente mantém guardado no lado esquerdo do peito: o jornalista e escritor Orlando Duarte, com quem tive o privilégio de assinar a autoria do livro FRIED VERSUS PELÉ, uma das inúmeras peças literárias em torno do Rei do Futebol.


Minha amizade com Orlando nasceu quando do lançamento de meu primeiro livro – Curiosidades e Recordes do Futebol Brasileiro, lançado em 1990. A partir de então, tivemos a oportunidade de manter contato em algumas ocasiões, por telefone, sempre tendo o futebol como tema.

Em 1997, finalmente, nos encontramos pessoalmente, durante a festa dos 25 anos do Troféu Nacional Bola de Ouro. Ali, no Centro Cultural do Banco Itaú, em São Paulo, perguntou-me o que estava escrevendo e lhe falei sobre a biografia de Arthur Friedenreich, já redigida, intitulada El Tigre, mas sem apoio para impressão gráfica. No mesmo instante, Orlando mostrou seu interesse e pediu os originais.


Durante três anos, mantinha-me informado sobre as diversas tentativa de conseguir um patrocinador para bancar a obra. Por fim, recebeu sinal verde da Makron Books, que sugeriu a inserção de Pelé no trabalho, e um confronto entre os dois grandes artilheiros na proposta do livro. A vida de Fried já estava escrita; Orlando se encarregaria de biografar Pelé. Proposta aceita por Orlando, fui sondado e aceitei prontamente: iria dividir a assinatura de um livro sobre Friedenreich e Pelé com um dos maiores fenômenos do jornalismo esportivo brasileiro.

Nem precisa falar sobre o êxito comercial da obra, esgotada em pouco tempo. E meu trabalho ganhou a companhia de Orlando e as prateleiras das principais livrarias do país. Hoje, traço estas rápidas linhas para externar minha imensa gratidão pelo amigo que partiu. Dele, sempre guardarei uma grata lembrança. Meu muito obrigado será eterno. Como eterno, espero, seja o seu descanso na paz do Senhor. 

Até um dia, meu amigo!



quarta-feira, 25 de novembro de 2020

Zangão goleia, reassume liderança e Piauí está rebaixado

Com um ataque avassalador e sem tomar qualquer conhecimento do adversário, a Sociedade Esportiva de Picos goleou o Piauí na tarde desta quarta-feira (25), por 5 a 0, e reassumiu a liderança isolada da primeira fase do Campeonato Piauiense. Com mais sesta derrota, o Piauí está matematicamente rebaixado para a Série B na próxima temporada.

O Zangão não teve dificuldades para impor seu melhor futebol e desde os primeiros  minutos se mostrou superior ao time rubroanil da capital, com o zagueiro Lucão abrindo a contagem no início da partida, cabeceando livre de marcação dentro da pequena área. Ainda no tempo inicial, Romarinho ampliou para 2 a 0.

Na fase de complemento, cobrando penalidade máxima, David Rocha assinalou 3 a 0. Depois foi a vez de Rhuann balançar as redes do Piauí e, nos minutos finais, Carlinhos selou o elástico placar de 5 a0. Enquanto a SEP tenta consolidar sua condição de finalista, o Piauí conhece o primeiro rebaixamento de sua história.

FICHA TÉCNICA

PICOS 5x0 PIAUÍ (Campeonato Piauiense de Futebol – Série A – 1ª fase – 12ª rodada); Data: 25/11/2020 (quarta-feira à tarde); Local: Estádio Helvídio Nunes (Picos); Arbitragem: Antônio Francisco Cordeiro de Paula, auxiliado por Márcio Iglesias Araújo Silva e Alisson Lima Damasceno.

Gols: Lucão (cabeça) 15 e Romarinho 45 do 1° tempo; David Rocha (pênalti) 9, Rhuann 22 e Carlinhos 42 do 2°.

Cartões amarelos: Kaio Felipe, Idevan, Pitoco (SEP), Chicão, Emerson Martins e Roni (PIA).

Picos - Vagne Hugo; Marquinho (China), Lucão, Marcondi e Pitoco; Esdras, Idevan (Kaio Felipe), Jader (Francielton) e David Rocha; Romarinho (Carlinhos) e Rhuann (Jefferson). Técnico: Adelmo Soares de Brito.

Piauí – Chicão; Wallyson (Jesus Victor), Durkheim (Marcos Aurélio), Gustavo e Renan Maranhão (Guilherme); Ygor, Daniel e Rafael Piauí (Matheus); Júnior Saudade (Emerson Martins), Levi e Roni. Técnico: Josias Gomes da Silva (Kennedy Gomes).