sexta-feira, 29 de julho de 2016

Federação divulga regulamento e tabela da Série B

Fonte: Assessoria da FFP
 
O Departamento de Competições da FFP divulgou nesta quinta-feira (28) a tabela completa e o regulamento da Série B do Campeonato Piauiense de 2016. A edição deste ano contará com participação de quatro clubes. Dois deles garantem vaga na elite do futebol piauiense em 2017.
 
A Segundona terá início no dia 27 de agosto, com a realização de duas partidas. Em Parnaíba, o Ferroviário vai receber o Timon às 16h, no Pedro Alelaf. Já o Comercial vai até Piripiri enfrentar a equipe do 4 de Julho, na Arena Ytacoatiara. O jogo acontece às 19h.
 
O campeonato será disputado em dois turnos, cada um delas com três rodadas. Ao término do returno, classificam-se para a fase final os dois clubes com o melhor índice técnico na competição. A final será disputada em dois jogos, sendo o segundo deles na casa do time com melhor campanha na fase classificatória.
 
No arbitral da Série B – realizado segunda-feira (25) passada – ficou definido que não haverá limite de idade para que os atletas atuem na competição. “Era nossa intenção ser sub-23, mas os clubes têm liberdade de escolha. A lei não é da FFP. A vontade deles é que seja aberta. Lamentamos, já que a ideia nossa era surgir e revelar valores - disse o presidente da FFP, Cesarino Oliveira.
 
O campeão e vice da segunda divisão do estadual terão vaga garantida na Série A do Campeonato Piauiense de 2017. Na edição de 2015, Altos e Picos foram os clubes que subiram de divisão.
 
A TABELA DA SEGUNDONA

1ª rodada (27/08)
16h: Ferroviário x Timon- Pedro Alelaf
19h: 4 de Julho x Comercial - Ytacoatiara
 
2ª rodada (03/09)
15h45: Comercial x Ferroviário - Deusdeth de Melo
16h: Timon x 4 de Julho - Lindolfo Monteiro
 
3ª rodada (10/09)
16h: Ferroviário x 4 de Julho - Pedro Alelaf
16h: Timon x Comercial - Lindolfo Monteiro
 
4ª rodada (13/09)
20h: Timon x Ferroviário - Lindolfo Monteiro
15h45: Comercial x 4 de Julho - Deusdeth de Melo
 
5ª rodada (17/09)
16h: Ferroviário x Comercial - Pedro Alelaf
19h: 4 de Julho x Timon - Ytacoatiara
 
6ª rodada (20/09)
19h: 4 de Julho x Ferroviário - Ytacoatiara
15h45: Comercial x Timon - Deusdeth de Melo
 
Finais
24/09 e 01/10

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Piauiense: Federação confirma realização da 2ª Divisão

Fonte: Assessoria da FFP
 
A edição de 2016 da Série B do Campeonato Piauiense vai acontecer. Na tarde desta segunda-feira (25), o Comercial apresentou os documentos exigidos pela CBF e FFP e confirmou a participação na competição. Com isso, a equipe de Campo Maior se junta a 4 de Julho, Ferroviário e Timon.
 
O torneio irá acontecer nos mesmos moldes do ano passado, com jogos de ida e de volta. Ao término do returno, as duas equipes com o melhor índice técnico garantem o acesso à primeira divisão e irão disputar a grande final da Segundona – que deve acontecer em dois jogos.
 
A abertura da Série B do estadual está marcada para o dia 27 de agosto. As rodadas deverão acontecer as terças e aos sábados. A tabela completa e o regulamento da competição serão divulgados pelo Departamento de Competições até quarta-feira (27).
 

domingo, 24 de julho de 2016

Melhor campanha na Série D, Altos vence América-PE

Com a mesma eficiência mostrada na primeira fase, Altos estreou no mata-mata com pé direito. Hoje (23) à tarde, no Estádio Ademir Cunha, em Paulista (PE), derrotou o América por 2 a 1, estabelecendo excelente vantagem para o segundo jogo, no próximo domingo, no Estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina.
 
O Jacaré pode até perder por 1 a 0 que estará classificado para a terceira fase. Ao américa, só interessa a vitória por dois ou mais gols de diferença, ou, caso seja de apenas um gol de diferença, que seja de 3 a 2 em diante. Vitória do América por 2 a 1 levará a decisão para os pênaltis.
 
O artilheiro da Série D, Manoel, abriu a contagem, marcando seu 10° gol na competição. O América chegou ao empate, com Fernandinho, cobrando pênalti, mas Tiaguinho garantiu a vitória com um belo chute que venceu a perícia do goleiro pernambucano.

FICHA TÉCNICA

AMÉRICA 1x2 ALTOS (Campeonato Brasileiro - Série D - 2ª fase - 1° jogo - Grupo B5); Data: 23/07/2016 (domingo à tarde); Local: Estádio Ademir Cunha (Paulista - PE); Arbitragem: José Claudio Rocha Filho (São Paulo), auxiliado por Oberto Santos da Silva e Kildenn Tadeu Morais de Lucena (ambos da Paraíba).
 
Renda: R$ 2.440,00 com 324 pagantes.
 
Gols: Manoel 10, Fernandinho (pênalti) 22 e Tiaguinho 46 do 1° tempo.
 
Cartões amarelos: Fernandinho (AM), Tiaguinho, Esquerdinha (ALT).
 
Expulsão: Quipapá, aos 46 do 2°, por dar uma cotovelada no adversário.

América-PE - Gease; Iranilson, Rafael, Leo Henrique (Glauber) e Quipapá; João Vitor (Dimas), Messinho, Janderson e Jackson (Branquinho); Fernandinho e Bambam. Técnico: Paulo Fernando Pessoa de Santana Júnior.

Altos - Dida; Barata, Celso, Leoni e Tiaguinho; Marcos Pimentel (Guilherme), Fred, Américo (Carlinhos Bala) e Esquerdinha; Manoel e Gênesis (Bruno Aquino). Técnico: Nivaldo de Oliveira Lancuna.


Parnahyba perde e agora terá que vencer em Maceió

No primeiro jogo da segunda fase, disputado na tarde deste domingo (23), no Estádio Pedro Alelaf (em Parnaíba), o Parnahyba foi derrotado pelo CSA, pelo placar de 2 a 1. Com esta vitória, o time alagoano tem a vantagem de poder até perder no próximo domingo, por 1 a 0, que estará classificado para enfrentar o vencedor de América-PE x Altos.
 
Se ocorrer vitória parnaibana por 2 a 1, serão cobrados tiros livres da marca do pênalti para se conhecer a equipe classificada. E vitória do Parnahyba por um gol de diferença (a partir de 3 a 2) ou por 2 ou mais gols, classificará o time piauiense. Na partida de hoje, Clayton marcou os dois gols alagoanos, enquanto Augusto descontou para o Tubarão.
 
FICHA TÉCNICA
 
PARNAHYBA 1x2 CSA (Campeonato Brasileiro - Série D - 2º fase - 1° jogo - Grupo B6); Data: 23/07/2016 (domingo à tarde); Local: Estádio Pedro Alelaf (Parnaíba - PI); Arbitragem: Savio Pereira Sampaio (Distrito Federal), auxiliado por Ivanildo Gonçalves da Silva e Antônio Fernando de Sousa Santos (ambos do Maranhão).

Renda: R$ 12.425,00 com 886 pagantes (348 não pagantes).

Público total: 1.234 torcedores.
 
Gols: Clayton 13 e Clayton 42 do 1° tempo; Augusto 19 do 2°.
 
Cartões amarelos: Idelvando, Thiago Granja, Marcos Gasolina, Fabiano, Gilmar Bahia (PAR), Obina, Everton Heleno, Clayton, Márcio Panda e Jeferson (CSA).
 
Parnahyba - Fábio; Thiago Granja, Gilmar Bahia, Marcos Gasolina e Rian; Ramón, Idelvando, Marcio Tarrafas (Ricardo Oliveira) e Capela; Fabiano (Cassiano) e Augusto. Técnico: Fernando Tonet.
 
CSA - Jeferson; Denílson, Leandro, Douglas e Rafinha; Márcio Panda, Clayton (Katê), Everton Heleno (Marcos Antônio) e Washington; Jeferson Maranhense e Obina. Técnico: Oliveira dos Santos Lopes (Oliveira Canindé).
 

sábado, 23 de julho de 2016

Ex-River, Leandro crê na permanência do Galo

Leandro em ação na zaga do Flamengo, seu último clube (Foto: arquivo pessoal)
"Acredito que o River vai se manter na Série C do Campeonato Brasileiro". Mesmo depois de mais um empate em casa, diante do Fortaleza, na tarde deste sábado (23), a opinião otimista é do zagueiro Leandro Marlon, revelado pelas categorias de base do Galo e que já foi titular na zaga do time tricolor.
 
Com experiência em outros clubes do futebol nordestino, Leandro Marlon avalia a situação do River como "difícil, pelo nível dos adversários, mas nada impossível. Acredito mesmo que o River tenha plenas condições de se manter na terceira divisão do futebol brasileiro". Sobre Altos e Parnahyba, o zagueiro mantém o mesmo otimismo. "Pelos cruzamentos do mata-mata, já se sabe que um deles vai ficar pelo meio do caminho, mas acho que o nível técnico de Altos e Parnahyba não fica a dever nada para outros times da Série D".
 
 
Sobre a 2ª Divisão do Campeonato Piauiense, Leandro entende que ela pode ser bem empolgante "Vai depender do plantel que os times montarem. Acho que o caminho trilhado pelo River é um dos fatores que devem servir de motivação para os times que irão jogar nossa Série B. O acesso vai permitir jogar o Piauiense 2017 e daí para as competições nacionais é um pulo. Vide o exemplo de Altos".

 
Quanto ao seu futuro como profissional, o zagueiro Leandro Marlon, hoje com 26 anos, ainda não sabe por quem irá jogar neste segundo semestre. Nem mesmo se vai permanecer no futebol do Piauí, onde defendeu o Flamengo recentemente. "Tive que resolver uns problemas de ordem particular mas já estou me preparando para dar sequência ao meu trabalho", finalizou.