terça-feira, 14 de outubro de 2014

Forum de Debates discute sobre o futebol piauiense

Futebol piauiense é tema de discussão na tarde desta terça-feira.
Com a chancela da Federação de Futebol do Piauí, será realizado na tarde desta terça-feira (14), no horário de 14 às 18 horas, no auditório do Quartel do Comando Geral da Polícia Militar do Piauí, o Fórum de Debates do Futebol Piauiense 2014. O objetivo? Encontrar soluções para os inúmeros problemas que continuam a afetar a recuperação do futebol piauiense.
 
O presidente da entidade promotora, Cesarino de Oliveira Souosa, entende que é o momento de se colocar em discussão tudo que for possível para melhorar o futebol no Piauí. "Todos os segmentos foram convidados, por isso tenho a convicção de que esse encontro será muito bom para nortear as ações de todos nós para os próximos quatro anos", afirmou.
 
Instituições como a AGAP e a APCDEP, por exemplo, devem fazer algumas colocações sobre a temática. Individualmente, todos os presentes também podem colocar suas sugestões para discussão. O tema envolvendo as categorias de base deverá ser um dos mais discutidos, uma vez que dela, inevitavelmente, dependem os clubes para atingir uma estrutura básica no profissionalismo.

5 comentários:

  1. Totalmente sem sentido, primeiro porque a mentora não encontrou rumo, tanto que pediu ajuda pra um público mergulhado de empirismo, pois não recorreu a estudo científico e por fim, o encontro se dará em apenas 4h e na polícia militar, local totalmente inadequado pra esse tipo de discussão. Ou seja, não dará em nada assim como foi o I Fórum de Futebol Piauiense em 2010 e Possiblidade de investimentos no Futebol Piauiense em 2012. Gol contra, bola fora e futuro tenebroso pra nós.

    ResponderExcluir
  2. Campos, continuamos sofrendo das mesmas mazelas de sempre: futebol de série Z, investimentos - zero, clubes(poucos) com patrimônios vendidos e mal pagos e micro-timecos do interior dependentes de mixarias dos prefeitos(irregular). Agora, mais recentemente, chega o nosso amigo Cezarino com um troféu conseguido junto à CBF, "UM BOMBOM EMBRULHADO EM PAPEL COM DESENHO DE UM CT". SERÁ Q TAL ENCONTRO SERVIRÁ, APENAS, PRA ELE MOSTRAR AOS PRESENTES O FEITO EXTRAORDINÁRIO PARA O NOSSO FALIDO E MAL PAGO FUTEBOLZINHO DE MEIA TIGELA????

    ResponderExcluir
  3. Visite nosso site de replicas de relógios sp somos os maiores vendedores do google todos produtos são classe AAA replicas de relógios rolex, replicas de relógios tag heuer, relogios sp, replicas de relogios sp, nos faça uma visita venha em uma de nossas lojas em sp...


    Nossos parceiros em telas mosquiteiras importadas dos estados unidos, não propaga chamas, fungos ou mofos, são telas de fácil limpeza e protegem sua família contra picadas de insetos, principalmente os mosquitos da dengue.Telas mosquiteiras litoral norte, telas mosquiteiras sp, telas mosquiteiras ubatuba, telas mosquiteiras ilha bela, telas mosquiteiras ilha comprida, telas mosquiteiras granja vianna, telas mosquiteiras alphaville, telas mosquiteiras cotia, telas mosquiteiras jundiai

    ResponderExcluir
  4. Ah! Que saudade! Final da década de 60 e início da de 70 quando tínhamos o campeonato de aspirantes. Embora nem se falasse em estrutura, pois a coisa se desenrolava na base do amor à camisa, por exemplo: pagávamos pra ver um clássico rivengo e assistíamos a dois. Preliminar sensacional!! Onde despontavam jogadores como Zé do Braga, Antonio Branquinho, Augusto, Nilton(irmão do Matintim), dentre tantos pelo Flamengo(ex-Esporte Clube Flamengo do Pirajá) e pelo River - revelação Clemilton, Giri(novo), Anchieta(hoje médico) e tantos outros. Era muuuito legal NAQUELA ÉPOCA. Dirigentes? Sim e de muita respeitabilidade como o Dr. Jesus Tajra, Rodrigues Filho, Professor Afrânio Nunes, Dr. Delson C. Branco e outros tantos de igual nível. Verdadeiramente ÉRAMOS FELIZES. . . .!!!

    ResponderExcluir
  5. O Fórum da UEPB (dias 14 e 15/10) foi muito mais legal, até porque o lugar pra se discutir esse tipo de coisa não é na polícia, e sim nos bancos universitários. Essa questão das bases não foi a mesma coisa que disseram depois da Copa? Deveria também propor a temática sobre o legado da Copa, já que não é um assunto restrito apenas a nós, não é mesmo?

    ResponderExcluir